AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA: Juiz mantém na cadeia homem que matou pastora

Aparentemente surtado, rapaz correu nu pelas ruas – (Foto Reprodução Redes Sociais)

Crime aconteceu na madrugada de sexta-feira dentro de um templo religioso, em Goiânia

Acusado de matar a pauladas a pastora Odete Rosalina da Costa, de 79 anos, na madrugada de sexta-feira (14), Matheus Macaubas Lima Santos, de 22 anos, vai continuar na cadeia.

Durante audiência de custódia na tarde deste sábado (15), o juiz Leonardo Naciff Bezerra decidiu pela prisão preventiva do jovem.

Ele havia sido preso em flagrante logo após o assassinato da religiosa em ataque que aconteceu dentro de uma igreja evangélica no Residencial Kátia, na região sudoeste de Goiânia, enquanto a pastora e um fiel faziam orações.

Nu e aparentando estar fora de si, o acusado cometeu o crime após andar cerca de sete quilômetros até o local.

Um laudo psiquiátrico de Matheus deverá ser incluído no inquérito instaurado na Delegacia de Investigação de Homicídios (DIH).

A polícia quer saber se o crime foi cometido após consumo de drogas ou surto psicótico.

Total
15
Shares
Related Posts