Caiado descarta presidência da República e afirma que quer disputar a reeleição

Caiado ressaltou que a definição do candidato a vice-governador já foi realizada junto ao MDB – (Foto: Reprodução)

Governador reforça que o nome que disputará o senado será definido somente em 2022

O governador Ronaldo Caiado (DEM) afirmou, nesta segunda-feira (11), que vai disponibilizar para disputar a reeleição, em 2022 e descartou a possibilidade de ser candidato à Presidência da República.

“Depois de enfrentar crise fiscal e pandemia, situações extremamente adversas, gostaria de governar Goiás por mais tempo para mostrar o que já fizemos e apresentar resultados à população”, declarou.

O governador lembrou que herdou uma dívida de R$ 7 bilhões, deixada por gestões passadas, e que conseguiu reequilibrar as contas. “Hoje nós entregamos à Assembleia Legislativa um orçamento equilibrado. Déficit zero, em dois anos e nove meses. Imagina bem se tivermos mais uma oportunidade, o que nós vamos transformar esse Estado”, pontuou.

Sobre as alianças políticas para as eleições do próximo ano, Caiado enfatizou que “a política não tem espaço para essa ansiedade”. Segundo avalia, essa ação “é como a agricultura: tem o mês de plantar e o mês de colher. Agora é mês de plantio. As chuvas vieram, nós estamos plantando”, analisou.

O governador ressaltou que a definição do candidato a vice-governador já foi realizada junto ao MDB, com a escolha do nome do presidente estadual do partido, Daniel Vilela. Sobre a vaga para o Senado Federal, Caiado esclareceu que a escolha só deve acontecer em 2022.

“Já deixei claro que a indicação ao posto de senador será feita no mês de maio, quando nós traremos critérios e escutaremos todas as lideranças e a população do Estado pra definir a composição”, finalizou Caiado.

Total
7
Shares
Related Posts