Caiado investe R$ 128 milhões na compra do Hospital do Servidor

Centro especializado contará com 78 leitos, sendo 20 UTIs, além de pronto-socorro, setor de exames de imagens, realização de cirurgias eletivas e atendimento ambulatorial

O governador Ronaldo Caiado (DEM) investiu R$ 128 milhões na compra do Hospital do Servidor, que antes pertencia ao Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo). O valor de R$ 128.806.908,96 foi pago na íntegra na última quinta-feira (30). No local, funcionará o Hospital Estadual da Criança e do Adolescente.

A estrutura contará com 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 58 gerais, para casos que precisam de internação em enfermaria. Gradativamente, esse número será expandido. O local terá, também, ambulatório de especialidades médicas como cardiologia, pneumologia, neurologia, alergologia, entre outras.

“Olha só que maravilha, aquele hospital todo ali como Hospital da Criança, seja ela recém-nascida, jovem com 12 anos, 14 anos de idade. Isso tudo será referência não só no Centro-Oeste”, destacou Caiado.

A lei que autorizou o Ipasgo a vender a unidade foi aprovada, em votação definitiva, pela Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) no final do ano passado e sancionada pelo governador Ronaldo Caiado. Segundo o documento, de 15 de dezembro de 2021, ficou autorizado “alienar para o Estado de Goiás, na modalidade venda ou permuta, o Hospital do Servidor Público”. A venda foi condicionada à autorização expressa do Conselho Deliberativo do Instituto, que também definiu o valor do trâmite e as condições para o recebimento do imóvel.

Total
7
Shares
Related Posts