Caiado participa do 14º Encontro de Muladeiros e lança Passaporte Equestre

Iniciativa do Governo de Goiás garante agilidade, menos burocracia e maior economia para transporte de equinos

O governador Ronaldo Caiado (UB) participou, nesta quinta-feira (21), em Iporá, da abertura oficial do 14º Encontro Nacional de Muladeiros e do tradicional desfile pelas ruas da cidade. Nesta sexta-feira (22), Caiado assistiu as provas de animais e visitou estandes de expositores.

“A festa vem com ainda mais força, mais brilho, mais vontade das pessoas se encontrarem, se abraçarem”, destacou Caiado. Após dois anos de interrupção do evento devido à pandemia, o governador disse que é hora de recuperar o tempo perdido e celebrar a história e a tradição de Goiás. 

O prefeito de Iporá, Naçoitan Leite, disse que acompanhou Caiado na decisão de adiar a festa, com apoio da Amog. “Agora, graças a Deus, nossos amigos estão todos presentes novamente”, comemorou o prefeito.

Durante a programação de abertura, Caiado lançou o Passaporte Equestre. O documento dispensa a emissão de nota fiscal no trânsito de equinos, asininos e muares. A iniciativa garantirá agilidade, menos burocracia e maior economia para o equideocultor. Com o passaporte, os animais são identificados por chip e cadastrados por meio de QR Code, o que permite o livre transporte para participar de cavalgadas, desfiles, treinamentos, concursos, provas e qualquer outra atividade ou evento de natureza cultural, desportiva ou de lazer. A praticidade vai substituir os protocolos praticados até então, em que o criador precisava carregar uma “pastinha” com cinco documentos por animal.

A novidade também estende de 60 para 180 dias o prazo de validade de exames. Quanto à Guia de Trânsito Animal (GTA), era cobrado em torno de R$ 15 por emissão e exigido documento novo a cada movimentação. Agora, a taxa única é de R$ 60 ao ano. A adoção do Passaporte Equestre é facultativa. 

Total
17
Shares
Related Posts