Covid-19: Professor Alcides defende vacinação para profissionais da Educação

Professor Alcides durante reunião na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados – (Foto Divulgação Valdemy Teixeira)

Parlamentar é, novamente, o único deputado da bancada de Goiás membro titular da Comissão de Educação

Assim como foi em 2019 e 2020, o deputado federal Professor Alcides (Progressistas) é o único membro titular na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados em 2021 entre os parlamentares da bancada federal de Goiás. A Comissão é presidida pela deputada Professora Dorinha Seabra (DEM-TO).

Na reunião extraordinária desta quarta-feira (17), os parlamentares iniciaram a discussão de uma pauta com 16 propostas, entre elas, o retorno seguro às aulas, a vacinação dos profissionais da educação e os riscos para professores, servidores e alunos durante a pandemia.

“Quero incluir professores e todos os trabalhadores da Educação na lista prioritária de vacinação contra a Covid-19 e defendo com muita determinação essa proposta aqui na Comissão de Educação”, declarou Professor Alcides.

A proposta ainda está em discussão e será debatida em audiências públicas. Após a reunião, o parlamentar reafirmou seu compromisso com a educação pública de qualidade.

“Sou educador, membro titular da Comissão de Educação e de várias frentes parlamentares ligadas à área. Defendo aqui o ensino público de qualidade e a valorização dos profissionais da área desde a educação infantil, o ensino fundamental e o médio, até o ensino superior”, argumentou o progressista.

Orçamento

Professor Alcides também participou nos últimos dias da definição do Orçamento da União (LOA-2021) na Comissão Mista do Orçamento (CMO). “Aprovamos as emendas, as subemendas e tudo aquilo que deveria ser aprovado na CMO. Na próxima semana a proposta da LOA será levada ao plenário do Congresso Nacional para votação”, explicou.

No caso de Goiás, o deputado deu uma boa notícia. “Pela primeira vez que faço parte dessa Comissão consegui angariar, além daquilo que estava previsto para o Estado, mais R$ 21,7 milhões para a Saúde e mais R$ 9 milhões para a Educação. Ainda existem as emendas feitas diretas ao relator apresentadas pela bancada e nós vamos conseguir mais para Goiás”, informou Professor Alcides.

Total
1
Shares
Related Posts