Em áudio, Bolsonaro pede fim da paralisação dos caminhoneiros

Bolsonaro disse que vai buscar uma solução em Brasília – (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Presidente da República afirma que ação atrapalha a economia e prejudica a população

Na noite desta quarta-feira (08), o presidente da República, Jair Bolsonaro (Sem Partido), pediu o fim da paralisação dos caminhoneiros bolsonaristas, que afeta Goiás e outros 13 estados. Conforme o presidente, a ação dos caminhoneiros atrapalha a economia e prejudica a população.

“Fala para os caminhoneiros, que são nossos aliados, mas esses bloqueios atrapalham a economia. Isso provoca desabastecimento, inflação, prejudica todo mundo, em especial os mais pobres. Dá um toque aí, se for possível, para a gente seguir a normalidade. Deixa a gente conversar em Brasília aqui agora. Não é fácil conversar, negociar, com outras autoridades, não é fácil, mas vamos buscar fazer nossa parte aqui. Vamos buscar uma solução por aqui.”, disse Bolsonaro no áudio.

Em seguida, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, divulgou um vídeo nas redes sociais para atestar a veracidade da mensagem de Bolsonaro e endossar o pedido.

“8 de setembro, já passa das 10h38 da noite, e nos grupos de caminhoneiros muita gente está questionando se um áudio que vazou do presidente da República é real e se esse áudio é atual. (…) Esse áudio é real, é de hoje e mostra a preocupação do presidente com a paralisação”, declarou o ministro.

Total
0
Shares
Related Posts