Em sessão extraordinária, Câmara aprova homenagem, empréstimos e reajuste salarial

Entre as propostas aprovadas estão o abono salarial dos servidores da Educação e a data-base dos servidores públicos

Durante a sessão extraordinária realizada nesta quarta-feira (12), os vereadores de Aparecida de Goiânia aprovaram oito Projetos de Lei, com destaque para dois que tratam de questões salariais dos servidores municipais. Com a aprovação do Projeto de Lei Nº 001/2022, os servidores da Educação poderão receber abono salarial.

Já o Projeto de Lei Nº 114/2021, também aprovado, a administração municipal fica autorizada a pagar a data-base dos servidores públicos do município. Os percentuais de reajuste são de 1,88% referente ao período de maio de 2019 a maio de 2020 e de 8,06% referente ao período de maio de 2020 a maio de 2021.

Empréstimos

Também foi aprovado o Projeto de Lei Nº 107/2021, que autoriza o Poder Executivo a contratar operação de crédito com à Caixa Econômica Federal, com a garantia da União, no valor de R$ 10 milhões, para custear a obra da nova sede da Câmara Municipal.

Também relacionado a empréstimos, foi aprovado o Projeto de Lei Nº 096/2021, que autorizava o Poder Executivo a contratar operação de crédito externo junto a instituição financeira, com garantia da união, para financiamento de um conjunto de obras dentro do “Programa de Infraestrutura Aparecida 100 anos”.

Homenagem

Na sessão extraordinária também foram aprovadas duas homenagens. A primeira trata da denominação do Hospital Municipal de Aparecida (HMAP), que se chamará “Hospital Municipal Iris Rezende Machado”, em tributo ao saudoso ex-governador de Goiás e ex-prefeito da capital, Iris Rezende Machado, que faleceu no ano passado.

Total
1
Shares
Related Posts