“Eu posso não concorrer a nada”, diz Sergio Moro

Ex-ministro afirma que é um “soldado da democracia”

Na manhã desta quarta-feira (20), o ex-ministro da Justiça Sergio Moro (UB) afirmou, em entrevista à CNN Brasil, que é um “soldado da democracia” e que pretende ajudar o “centro democrático” a construir uma candidatura capaz de combater os extremos defendidos por Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL).

Moro ressaltou que não está atrás de mandato  nas eleições deste ano. “Não estou atrás de mandato, não estou atrás de cargo. (…) Eu posso não concorrer a nada.”, argumentou o ex-juiz da Lava Jato.

Vale destacar que Sergio Moro era pré-candidato à Presidência da República até meados de março. Entretanto, o ex-juiz sofreu vários reveses nas articulações para viabilizar seu nome na corrida presidencial.

Total
9
Shares
Related Posts