PIB de Goiás é destaque nacional com crescimento de 2,2%

Produto Interno Bruto nacional ficou em 1,2%

O Produto Interno Bruto (PIB) consolidado do Estado de Goiás, em 2019, foi quase o dobro do registrado pelo Brasil. Enquanto a riqueza nacional apresentou crescimento de 1,2% naquele ano, o PIB de Goiás atingiu 2,2%. Os números fazem parte do mais recente estudo do Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB), órgão jurisdicionado à Secretaria-Geral da Governadoria (SGG), segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O estudo, divulgado na última sexta-feira (12), apresenta a variação real e a composição setorial do PIB de Goiás, que fechou em 2,2%, com resultado de incremento alcançado de R$ 7,3 bilhões. Esse desempenho dos setores que compõem o conjunto produtivo do Estado representa ainda uma importante recuperação da economia goiana, que vinha de queda de 1,4%, em 2018, no governo anterior.

O crescimento em 2019, primeiro ano da gestão do governador Ronaldo Caiado (DEM), assegura a 9ª posição no ranking entre os Estados da Federação. A indústria foi a que mais cresceu. Vinha de um PIB negativo, em 2018, de -1,2% e foi para o positivo, de 2,9%.

“Conseguimos superar situações delicadas. Goiás estava entre os quatro piores Estados do país do ponto de vista fiscal, com colapso da máquina pública, mas nós avançamos e fomos os únicos a entrar no Regime de Recuperação Fiscal (RRF)”, destacou o governador.

O resultado do PIB goiano em 2019, mostra que Goiás viveu um movimento inverso ao da tendência nacional de queda, alcançando um crescimento de 60%. A recuperação do PIB goiano, em 2019, ocorreu devido ao bom desempenho apresentado por todos os setores da economia. Nas atividades ligadas à indústria cresceu 2,9%, serviços (1,9%) e agropecuária (1,4%).

Total
1
Shares
Related Posts