Assassino de Corumbá de Goiás pode ter fugido para Goianápolis

Wanderson Mota Protácio é caçada pela polícia goiana – (Foto PCGO)

Wanderson Mota teria ido de carona com motoqueiro de Gameleira até o município. Buscas da polícia foram ampliadas a essas cidades

As forças policiais de Goiás ampliaram as buscas pelo caseiro fugitivo Wanderson Mota Protácio, de 21 anos. A caçada estava concentrada desde segunda-feira (29) em Abadiânia, mas agora a força-tarefa o procura também nas cidades de Gameleira, por onde passou na manhã desta quinta-feira (2), e Goianápolis, para onde o assassino de Corumbá de Goiás teria ido de carona com um motoqueiro que estava a caminho da fazenda de soja onde trabalha.

Quem contou à polícia sobre o destino de Wanderson, já considerado como o “novo Lázaro!”, foi o próprio motoqueiro que deu a carona. Segundo ele, Wanderson pulou da moto ainda em movimento e fugiu correndo quando ele chegou na porteira da propriedade em que trabalha, nas proximidades do povoado de Mocambinho, na zona rural de Gameleira de Goiás.

O foragido teria corrido na direção de uma mata conhecida como cascalheira, que é na divisa entre duas plantações de soja.

Um colega que vinha logo atrás teria visto a movimentação suspeita, confirmando a história.

A força-tarefa também faz operações nas cidades de Abadiânia, Alexânia e Gameleira de Goiás.

Crimes

Wanderson Mota é caçado pela polícia desde domingo à noite (28), quando matou a esposa de 19 anos e grávida de quatro meses, a enteada de dois anos, um fazendeiro de 73 anos e tentou estuprar e matar a esposa desse fazendeiro, de 41 anos, na zona rural de Corumbá de Goiás.

Total
40
Shares
Related Posts