Policial é preso sob suspeita de matar mototaxista

Militar teria desferido golpes contra a vítima e contra um colega de farda

O cabo da Policial Militar (PM) João Carlos dos Santos foi preso nesta terça-feira (22) sob suspeita de ter matado um mototaxista em Rialma. A vítima, Wesley Alves de Araújo, chegou na residência para deixa a esposa do militar. No entanto, o cabo teria agredido o mototaxista.

Uma viatura da Polícia Militar chegou ao local e tentou conter o PM, porém, ele conseguiu se soltar após desferir uma coronhada em um colega de farda. A vítima, que não conseguiu correr devido a um problema de coração, foi alvejada nas costas com três tiros disparados pelo cabo.

Após os disparos, uma viatura da GPT chegou ao local e efetuou a prisão do militar. Uma unidade do Samu foi acionada para atender a vítima, que não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Por meio de nota, a Polícia Militar informou que o cabo envolvido no caso já está em um presídio militar. “A instituição enfatiza que não coaduna com condutas que estejam em desacordo com princípios éticos, morais e legais, sempre defendidos por esta corporação, e que, mesmo o fato em questão tendo ocorrido em horário de folga, será instaurado pela Polícia Militar o devido processo legal, onde se apurará todas as reais circunstâncias do acontecido”, diz o comunicado.

Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts