Eleições 2020: PSD sofre intervenção em Aparecida

Diretório estadual interveio e substituiu nomes do comando da sigla no município

O diretório estadual do PSD agiu rápido após a indicação de Veter Martins para concorrer ao pleito de prefeito com Gustavo Mendanha (MDB), destituiu a comissão provisória de Aparecida e nomeou uma nova. A data da nomeação é de quarta-feira, dia 16, mas a mudança só foi descoberta nesta quinta-feira, dia 17.

Como se sabe, a comissão executiva provisória foi composta por pessoas ligadas ao secretário de Articulação Política, Tatá Teixeira, e ao próprio Veter Martins, que deixou o MDB em março e ingressou no PSD.

A composição funcionou pacificamente até quarta-feira à noite, quando surgiu a confirmação da candidatura de Veter Martins a prefeito. Ele e Tatá Teixeira são desafetos e o clima de animosidade entre os dois ficou mais acirrado com a candidatura de Veter.

Sendo assim, e para evitar contratempos, o diretório destituiu os membros da comissão ligados a Tatá Teixeira. Foram afastados com data de terça-feira, dia 15, o presidente Divino Ajax, o tesoureiro José Caldas Júnior e o membro Iron Pereira, e nomeados outros membros.

Divino Ajax lamentou que tudo isso tenha ocorrido. “Depois de montarmos uma chapa muito competitiva de 35 candidatos a vereador, organizar o partido junto a receita federal, no cartório e no banco”.

Segundo ele, a intervenção não foi avisada. “Não me falaram nada, estão tratando da mudança sem ao menos me comunicar. O partido não é meu, embora eu tenha participado da criação do PSD em Aparecida em 2011, fui presidente até 2016, retornando à presidência agora no início de 2020. Era só pedir o cargo, mas preferiram fazer na forma de intervenção. Espero que não prejudiquem os candidatos a vereador, são todas pessoas de bem, comprometidas com nossa cidade, candidatos responsáveis e capazes. Mesmo sendo expulso da direção vou contribuir com cada um dos guerreiros e guerreiras candidatos a vereador do PSD, acreditaram em mim, são meus amigos”, disse Divino Ajax.

Desde esta quarta-feira, dia 16, o presidente do PSD de Aparecida é o próprio Veter Martins. O vice-presidente é Dione Cleber de Souza Carmo. O secretário-geral é Gilson Lopes Lessa e Rosemário Máximo Ferreira Neto é o tesoureiro.

Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts