“Solução será vacina registrada, segura e distribuída para toda população”, confirma Pazuello

Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ao lado do governador Ronaldo Caiado, durante inauguração do Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara – (Foto: Hegon Corrêa)

Durante inauguração do Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara, ministro da Saúde garante que nenhum Estado será tratado de forma diferente

O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, reafirmou as diretrizes do Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19, durante a inauguração oficial do Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara (HMMCC), nesta sexta-feira (11), no Conjunto Vera Cruz, em Goiânia.

“A solução será a vacina registrada, segura e distribuída para toda população brasileira”, afirmou Pazuello, ao lado do governador Ronaldo Caiado (DEM).

O governador pontuou que as palavras do ministro tranquilizam a população. “A ansiedade pode existir, mas a dúvida jamais. A federação brasileira é única e esse trabalho será coordenado exclusivamente pelo ministro Pazuello e pelo Ministério da Saúde, em condições igualitárias”, afirmou e ainda acrescentou: “Não pode deixar permear a ideia de que teremos o Brasil com vacina e um Brasil sem vacina. Todos serão tratados como brasileiros, que merecem respeito, direito à vida e à vacinação”.

O ministro voltou a garantir: “Nenhum Estado será tratado de forma diferente, nenhum brasileiro terá vantagem sobre outros. Isso é um compromisso meu e do governo do presidente Jair Bolsonaro.”

Pazuello informou que tem realizado reuniões em Brasília na busca por recursos e conversado com todos os fabricantes de imunizantes. A princípio, disse, são articulações sem contratos vinculantes, mas “memorandos de entendimento”. E ainda reconheceu: “Goiânia e Goiás têm sido um exemplo na resposta ao combate ao Covid-19. Isso é mérito de todos os gestores e cidadãos”.

Caiado aproveitou a oportunidade para reconhecer o apoio que tem recebido do governo federal. “Fui parlamentar por 24 anos e, agora, governador do Estado. Nunca, em momento algum, teve um governo que repassasse tanta verba para saúde, educação e segurança pública, como o governo do presidente Jair Bolsonaro”, pontuou.

Inauguração

Com 176 leitos e 15 mil metros quadrados de área construída, o Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara (HMMCC), inaugurado oficialmente nesta sexta-feira, tem capacidade para realizar de 800 a mil partos por mês, segundo a prefeitura.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts