Presidente da Câmara Municipal é preso por estupro

Um dos envolvidos nos crimes está foragido

A Policia Civil do Estado de Goiás, com apoio da polícia militar, cumpriu mandados de busca e apreensão e mandados de prisão temporária expedidos em desfavor do presidente da Câmara de Municipal de Guarinos e de comerciantes locais. A investigação apura crimes tipificados no Artigos 217-A e 218-B do Código Penal, que tratam sobre crimes de estupro de vulnerável e exploração sexual.

Segundo as denuncias, o vereador, que é dono de uma farmácia, cometia os abusos em um cômodo nos fundos da farmácia. Esse cômodo também era utilizado para aplicação de medicamentos. Conforme as investigações o legislador pagava pelos favores sexuais, inclusive com medicamentos.

Um outro suspeito, que é dono de uma oficina de bicicletas, tinha uma das menores como empregada doméstica. Conforme as investigações, além de fazer sexo com a menor mediante pagamento em dinheiro, fazia com que a vítima intermediasse encontro com outras menores.

Na operação o presidente da Câmara foi preso e o dono da oficina de bicicletas encontra-se foragido. Outras pessoas da cidade estão sendo ouvidas e investigadas pelos mesmos crimes.

O vereador foi conduzido a delegacia de Itapaci, onde foi o interrogado e posteriormente conduzido a unidade prisional de Itapaci onde se encontra recolhido a disposição do Poder Judiciário.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts