TRAGÉDIA: 13 PESSOAS MORREM EM BOATE DURANTE BATIDA POLICIAL

Vizinhos do local alertaram a polícia sobre a festa, considerada clandestina por causa da Covid-19

Uma tragédia aconteceu na noite deste sábado, dia 22, após ação policial ocorrida numa boate onde estava acontecendo uma festa considerada clandestina por causa das restrições impostas pelas autoridades para evitar a disseminação do coronavírus.

Polícia faz batida na Boate Thomas Restobar, local da tragédia (Foto Reprodução)

Conforme informações da polícia, pelo menos 13 pessoas morreram esmagadas ou asfixiadas enquanto tentavam sair da boate Thomas Restobar, em Lima, no Peru, durante a ação da polícia que aconteceu por volta das 22 horas – horário local.

Entre os mortos estão 11 homens e duas mulheres. Outras seis pessoas ficaram feridas, entre elas, três policiais.

“Nessas circunstâncias, quando as pessoas começam a lutar para sair, é tumultuado, todos vão uns contra os outros”, disse Orlando Velasco, da Polícia Nacional. 

Vizinhos do local alertaram a polícia sobre a festa. Cerca de 120 pessoas estavam no segundo andar do estabelecimento quando a polícia chegou para dispersá-las, informaram funcionários do governo.

O Ministério do Interior disse que os participantes da festa ficaram presos ao tentaram sair pela única porta do local. A polícia deteve pelo menos 23 participantes da festa.

Desde março boates e bares estão proibidos de funcionarem no Peru. A reuniões familiares foram proibidas em agosto.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts