Vereadores não se manifestam sobre aditivo milionário da obra da Câmara

O custo da obra da Câmara já supera os 18,3 milhões de reais – (Foto: Goiás365)

A construção da sede do Poder Legislativo teve incremento de mais de 2,5 milhões de reais somente neste ano

Após a publicação do novo aditivo da obra da sede da Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia, em que o Legislativo destina a quantia de R$ 1.882.696,66 (um milhão e oitocentos e oitenta e dois mil e seiscentos e noventa e seis reais e sessenta e seis centavos), o Poder Legislativo não se manifestou sobre o caso. Mas o que chama a atenção é que nenhum vereador da atual legislatura também não se manifestou sobre o ocorrido.

A pergunta que fica é: “Se o vereador não tem autoridade para fiscalizar a obra do poder o qual pertence, ele terá responsabilidade em fiscalizar o Poder Executivo?”. Essa é a pergunta que precisa ser respondida pelos vereadores de Aparecida de Goiânia.

Aditivos

A quantia de R$ 1.882.696,66 foi destinada para a empresa CVT Construtora, Incorporadora e Serviços Gerais Ltda, conforme o 2º Termo de aditamento nº 014/2020, do dia 28 de outubro de 2020.

No dia 06 de abril deste ano foi publicado o 1º termo aditivo, de nº 004/2020, que incrementou R$ 845.265,97 (oitocentos e quarenta e cinco mil e duzentos e sessenta e cinco reais e noventa e sete centavos) ao contrato de execução da obra.

Somente neste ano foram incorporados ao valor total da obra a quantia de R$ 2.727.962,63 (dois milhões e setecentos e vinte e sete mil e novecentos e sessenta e dois reais e sessenta e três centavos). Com os aditivos, o custo total estimado da obra que era de R$ 15.573.316,00 (quinze milhões e quinhentos e setenta e três mil e trezentos e dezesseis reais) já chegou ao valor de R$ 18.301.278,63 (dezoito milhões e trezentos e um mil e duzentos e setenta e oito reais e sessenta e três centavos).

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts